Saiba como economizar dinheiro pra próxima viagem.

Este post vai te ajudar a poupar dinheiro pra uma nova viagem. Saiba mais: Mais »

Islas del Rosario e Isla Baru, passeio clássico de Cartagena de Indias

Um dos passeios mais procurados em Cartagena de Indias é o passeio até as Islas del Rosário e Isla Baru... Saiba como é... Mais »

Catedral de São Basílio, a igreja mais bonita do mundo!!!

Conheça a Catedral de São Basílio, um dos maiores cartões postais da Rússia e uma das igrejas mais bonitas do mundo. Mais »

Conheça o Parque Nacional Morrocoy, na Venezuela.

O Parque Morrocoy é um dos cantinhos mais bonitos do Caribe Venezuelano. Saiba mais. Mais »

 

Carnaval na Chapada dos Veadeiros – Roteiro.

Chapada-dos-Veadeiros

Aproveitamos o feriado de Carnaval pra dar um pulo na Chapada dos Veadeiros, um dos atrativos mais bonitos de Goiás. Adoramos! É um lugar incrível que merece uma visita! Confira um resumo de como foi nossa experiência.


Acompanhe o DMEC no Instagram: @demochilaecaneca
Na Chapada dos Veadeiros nós usamos a hastag #dmecnachapadadosveadeiros

Carnaval na Chapada dos Veadeiros

Quando no carnaval do ano passado estivemos pela primeira vez em Brasília. Ficamos um pouco surpresos com o fato de quase não conseguirmos alugar um carro no aeroporto (pegamos um último Uno, que tinha sido devolvido recentemente, ou era desistência, algo assim). – Quem tanto vem pra Brasília no carnaval, fora a gente??? Porque não tem carro? Perguntei ao rapaz da locadora de veículos. – Todo mundo indo pra Alto Paraíso. Me respondeu ele.  De imediato lembrei da Chapada dos Veadeiros. Claro né!!!

Chapada dos Veadeiros-4

Chapada dos Veadeiros – GO

Como sabíamos que em 2 dias bem aproveitados era possível ver os principais atrativos de Brasília, até pensamos em dar um pulo em Alto Paraíso, pra conhecer alguma coisa na Chapada. No fim, acabamos decidindo ir pra Pirenópolis que fica a quase metade da distância da Chapada dos Veadeiros e também é um lugar bem legal pra conhecer.

Eis que neste Carnaval, na hora de decidirmos pra onde ir, estávamos a observar o preço das passagens e Brasilia mais uma vez estava bem atrativa. Desta vez não pensamos 2 vezes e decidimos ir conhecer um pouquinho da Chapada dos Veadeiros.

Chapada dos Veadeiros 

Localizada no estado de Goiás, a Chapada dos Veadeiros é um destino fascinante e repleto de atrações. Ideal para amantes do Eco Turismo e aventureiros de plantão, Veadeiros é um destino que realmente vale a visita e nós adoramos conhecer. Bem na verdade, conhecemos só uma pequena parte, já que a Chapada dos Veadeiros é imensamente gigante. São “só” 21.337,541 km².

Chapada dos Veadeiros

A Chapada dos Veadeiros abrange vários municípios goianos, entre eles Alto Paraíso de Goiás, Colinas do Sul,Teresina de Goiás e Cavalcante. Os municípios de Alto Paraíso e Cavalgante são os mais procurados e destacam-se por abrigar o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, com seus mais de 65 mil hectares.

Grande parte dos atrativos que visitamos ficam nas proximidades da cidade de Alto Paraíso e do vilarejo de São Jorge, que são os 2 locais com melhor infra estrutura para turistas na região.

Além dos atrativos naturais, a Chapada dos Veadeiros é muito famosa por ser considerada como um dos melhores lugares para observar objetos voadores não identificados, segundo dizem os entendidos no assunto. Isso mesmo, a região é famosa por estar na mesma linha imaginária do Machu Picchu, o Paralelo 14.  Além disso, dizem que grande parte da Chapada dos Veadeiros está posicionada sobre uma gigantesca placa de quartzo.

Seja pra ver cachoeiras e belas paisagens, ou pra ver E.t.s e disco voadores a Chapada dos Veadeiros é um destino incrível, que definitivamente nos conquistou.

Roteiro de 3 dias na Chapada dos Veadeiros 

Dia 1 – Vale da Lua/ Almecegas I e Almecegas II

Como chegamos em Alto Paraíso na madrugada de Domingo, não dormimos direito e resolvemos fazer atividades leves que não exigissem muito esforço. Acordamos cedo e lá pelas 8h já estávamos chegando ao Vale da Lua, que fica a pouco mais de 30 km de Alto Paraíso. O local é bastante interessante e possui uma característica própria, com formações esculpidas ao longo de milhões de anos devido a erosão pluvial.

Chapada dos Veadeiros Vale da Lua

Vale da Lua

Apesar de imaginarmos um lugar bem maior, o passeio foi válido, embora estivesse bem cheio e a cada minuto que passava, mais gente chegava e o lugar entupia cada vez mais. Já estávamos cientes que teríamos muita companhia, afinal de contas fomos pra lá em pleno feriado de carnaval né. E assim foi em quase todos os lugares que visitamos: muita gente!

Chapada dos Veadeiros Vale da Lua -Lotado

Vale da Lua lotado!

Para ter acesso ao local pagamos R$20,00 por pessoa. Saímos de lá pouco antes do meio dia.

Confira o post sobre o Vale da Lua da Chapada dos Veadeiros

Do Vale da Lua, voltamos sentido Alto Paraíso e fomos até a Fazenda São Bento que fica a cerca de 8 km de Alto Paraíso. É nesta fazenda que estão as cachoeiras Almecegas I e Almecegas II, além do Salto São Bento e alguns outros atrativos.

Fomos visitar primeiro a Cachoeira Almecegas I, mas na metade da trilha de acesso começou a chover muito e não tivemos coragem de entrar na água. Tinha bastante gente na água, mas é perigoso demais entrar em uma cachoeira em dia de chuva… lembre-se disso! Mesmo assim, valeu a visita, pois a Almecegas I é uma bela cachoeira.

Chapada dos Veadeiros Almecegas I

Cachoeira Almecegas I, com chuva e tudo!

Retornamos até o estacionamento e de lá partimos em direção a Cachoeira Almecegas II, uma cachoeira menor, mas bem bonita também.  Lá não tinha muita gente (a chuva espantou todo mundo) mas também não entramos na água e só observamos sua beleza. Ficamos por lá até umas 5h e retornamos a Alto Paraíso.

Confira o post sobre as Cachoeiras Almécegas I e II

Chapada dos Veadeiros Almecegas II

Cachoeira Almecegas II.

Dia 2 – Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros – Trilha dos Saltos – Trilha dos Cânions e Cachoeira Cariocas.

Acordamos bem cedo (6h30) e as 7h estávamos partindo para o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros.

Erroneamente demos uma paradinha no Jardim de Maitreya e quando chegamos no Parque, às 7h50 já tinha uma pequena fila. Se demorássemos mais uns 20 ou 30 minutos não iríamos conseguir entrar, assim como centenas de pessoas que chegaram mais tarde.

Chapada dos Veadeiros - Fila

A fila na entrada do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros.

O parque possui 3 trilhas principais disponíveis, sendo que uma delas precisa ser reservada, pois é uma trilha mais pesada de 2 dias. Sendo assim, sobram 2 trilhas, a Trilha dos Saltos e a Trilha dos Cânions.

Normalmente as pessoas optam por fazer uma das 2 trilhas por dia, mas nós resolvemos encarar as 2 em um mesmo dia e tenho que falar pra vocês: nem é tão puxado assim! Claro, tudo depende do seu condicionamento físico, habilidade em trilhas e também do tempo que pretende ficar aproveitando nas cachoeiras.

Chapada dos Veadeiros trilha dos Saltos

Trecho da trilha dos saltos.

Com o tempo que esperamos na fila e na exibição do filme educativo, nós só iniciamos a trilha às 9h.

Fizemos primeiro a Trilha dos Saltos, que é a trilha mais pesada. Seu trajeto é de 9 km ida e volta e pra ir é só descida. No meio do caminho ainda tem um mirante onde é possível observar a beleza do local, com destaque para um dos saltos do Rio Negro, o Salto de 120 metros.

Chapada dos Veadeiros - Salto 120

O problema é a volta, que se torna subida em praticamente todo o trecho e junto do sol escaldante, pode ser bem cansativa. Mas antes de encarar a volta da Trilha dos Saltos, tomamos um refrescante banho nas águas do Rio Preto, em um poço que fica de frente a uma imensa cachoeira de 80 metros.

Chapada dos Veadeiros Rio Preto

Um refrescante banho no Rio Preto.

Fizemos o retorno da Trilha dos Saltos e iniciamos a Trilha dos Cânions que é um pouco mais longa que a Trilha dos Saltos (12 km ida e volta), mas não é tão pesada, com seu trajeto todo sendo feito em trecho plano sem desnível.

Quando estávamos quase na metade da trilha pegamos um temporal assustador e encontramos dezenas de pessoas voltando. Quando chegamos lá nos cânions, ainda chovia, mas o lugar estava completamente vazio, Aleluia!

Chapada dos Veadeiros Canions

Cânions – Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros.

Ficamos um pouco por lá e fomos direto pra Cachoeira das Cariocas que é acessada a partir da Trilha dos Cânions, através de uma pequena trilha de aproximadamente 1 km.

Chapada dos Veadeiros Cachoeira Cariocas

Cachoeira das Cariocas.

Ficamos alguns minutos observando a Cachoeira das Cariocas e retornamos pra finalizar a trilha antes que o Parque fechasse. Saímos do Parque às 17h45, depois de quase 25 km de trilhas e belas paisagens! Cansamos um pouco, mas valeu bastante!

Confira o post sobre o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

Na volta paramos novamente no Jardim de Maitreya, que fica no caminho entre São Jorge e Alto Paraíso.

Chapada dos Veadeiros - Jardim de Maitreya

O místico Jardim de Maitreya.

Dia 3 – Trilha do Mirante da Janela.

Saímos 7h da manhã com destino a vila de São Jorge, onde fica a trilha que dá acesso ao Mirante da Janela. Chegando lá percebemos que fomos enganados pelo marcador de combustível do Uno. Tivemos que voltar até Alto Paraíso pra colocar combustível. Perdemos bastante tempo e resumindo a história começamos a fazer a trilha aproximadamente às 10h30.

A trilha tem aproximadamente 8 km, contando ida e volta e embora muitas pessoas afirmem que a trilha é muito difícil, mais da metade da trilha é feita em um trajeto sem muitas dificuldades e apenas alguns trechos possuem alguma dificuldade, mesmo assim não achamos tão difícil assim, conforme falam por aí.

Chapada dos Veadeiros-Trilha do Mirante da Janela 1

Visual incrível da trilha do Mirante da Janela.

Chegando no fim da trilha todo o esforço é compensado com a visão mais bonita que vimos na Chapada dos Veadeiros! Por sorte chegamos lá com o tempo ainda ensolarado.

Chapada dos Veadeiros - Mirante da Janela

O incrível visual da Chapada dos Veadeiros.

Posso dizer com toda certeza que a trilha do Mirante da Janela foi a trilha mais bela que fizemos nesta viagem, foi a cereja do bolo.

Chapada dos Veadeiros Mirante da Janela

O famoso Mirante da Janela.

Também tomamos chuva lá no alto e como descemos molhados não foi nada difícil tomar um refrescante banho no retorno, quando passamos pela Cachoeira do Abismo, que fica mais ou menos na metade do caminho. (Em breve post completo sobre a Trilha do Mirante da janela e Cachoeira do Abismo).

Chapada dos Veadeiros-Cachoeira do Abismo

Paty se refrescando na Cachoeira do Abismo.

Saindo da trilha da Janela, antes de voltarmos para Alto Paraíso, ainda demos uma voltinha pela encantadora vila de São Jorge.

Você provavelmente deve estar sentindo falta da Cachoeira de Santa Barbara, a cachoeira mais bonita da Chapada dos Veadeiros e uma das mais belas do Brasil. Mas nós não fomos conhece-la desta vez! Isso mesmo, nós não fomos pra Santa Barbara intencionalmente, já que se fossemos, talvez demoraríamos pra voltar pra Chapada. Como faltou conhecer ela, temos motivo suficiente pra voltar. Além disso vimos uma foto que a menina que estava hospedada no hostel nos mostrou e sinceramente desanimamos, pois tinha muiiiita gente… Então pretendemos voltar em uma época que não seja feriado.

Como no carnaval normalmente as pessoas têm o Sábado disponível (o que não foi o nosso caso), é possível incluir a Cachoeira de Santa Barbara e Cavalcante em um dia do roteiro de carnaval. Se você chegar muito cedo lá, pode levar sorte de pegar a maravilhosa cachu vazia.

Como Chegar a Chapada dos Veadeiros

A Chapada dos Veadeiros está localizada a cerca de 230 km de Brasilia e a cerca de 400 km de Goiânia.

A maneira mais habitual de chegar até lá é ir até Brasilia e de lá alugar um carro. Foi o que nós fizemos, alugamos um Uno guerreiro, que mesmo cheio de barulhos e sem direção foi que foi, inclusive nas estradas de chão batido que dão acesso a algumas atrações. Não tivemos nenhum problema.

A estrada que liga Brasilia a Alto Paraíso é muito boa e o trajeto é praticamente inteiro em linha reta.

Chapada dos Veadeiros-2

Chapada dos Veadeiros.

Se você for de carro basta pegar a BR-020, em direção à Formosa-GO. No trevo, pegue a BR-010, sentido Alto Paraíso. Passando a divisa do DF com Goiás, a BR-010 muda de nome e passa a se chamar GO-118. Pelo caminho você irá ver vários discos voadores, ops… digo várias placas com a indicação você está na chapada dos Veadeiros. Logo estará chegando a Alto Paraíso.

Também é possível ir de Brasilia até Alto Paraíso em ônibus, através da empresa Real Expresso, que costuma ter apenas dois horários diários partindo de Brasilia e apenas um partindo de Alto Paraíso.

Outra maneira muito comum de se locomover de Brasilia para Alto Paraíso ( e de se locomover em Alto Paraíso e região) é através de caronas. Existe até uma página no Facebook, onde as pessoas pedem e oferecem caronas.

 Hospedagem na Chapada dos Veadeiros 

Os principais lugares para se hospedar na Chapada dos Veadeiros são: a cidadezinha de Alto Paraíso, a Vila de São Jorge e Cavalcante.

Alto Paraíso é o local mais bem infraestruturado com mais pousadas, restaurantes, bares, lojas e onde fica o Posto de Gasolina.

São Jorge é a vila mais rústica, mais alternativa e também o local onde está o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros.

Cavalcante fica um pouco mais longe, mas tem uma característica muito interessante, pois é em Cavalcante que podemos encontrar comunidades quilombolas, como a Comunidade Kalunga.

Nós pretendíamos nos hospedar em São Jorge, mas como demoramos um pouco pra decidir, acabamos ficando no Hostel Annas em Alto Paraíso.

Anna Hostel - Chapada dos Veadeiros

Hostel Annas.

O Hostel foi feito em uma casa e é um hostel bem simples. Nossa cama era bem confortável. As paredes do nosso quarto tinham divisão em plástico PVC, assim como a porta de plástico PVC, que era de correr isso incomodava um pouco já que quem quer dormir pra acordar cedo, pode ter dificuldade. Os quartos também não possuem Locker (pelo menos nosso quarto não tinha) e como durante o dia, o staff do hostel nem sempre fica no local, achamos um pouco preocupante, mas nada aconteceu. De qualquer forma, vale mencionar que existem alguns Lockers do lado de fora do quarto. O quarto que ficamos tinha apenas uma tomada. A Internet é gratuita e funcionou bem. A localização é boa, pois fica próximo a rua principal e ao centro de informações aos visitantes. O hostel também fica próximo da rodoviária de Alto Paraíso.

Na próxima vez que formos visitar A Chapada dos Veadeiros, vamos ficar em São Jorge que nos pareceu mais alto astral, embora não possamos tirar muita conclusões, já que em períodos de carnaval os lugares mudam muito.

Também queremos pousar na comunidade Quilombola, já que conhecemos um carioca que teve esta experiência e nos falou muito bem sobre esta opção.

Apesar de curta, esta trip foi bastante produtiva e nós gostamos muito do lugar. Com toda certeza pretendemos voltar em breve! Fique ligado que vão sair os posts detalhados sobre cada um dos lugares que visitamos.

 Gostou do post – Salve a figura abaixo no Pinterest – Aproveite pra nos seguir por lá.

ChapadaDosVeadeiros-Pinterest


QUER AJUDAR O DMEC SEM GASTAR MAIS POR ISSO? 

Utilize os nossos parceiros e ajude nosso blog:

- Encontre e reserve sua hospedagem em Brasilia, Alto Paraíso, São Jorge, Cavalcante ou em qualquer lugar do mundo, através do Booking.com. Você não paga nem um centavo a mais e ainda ajuda o blog! Lembrando que a maioria das reservas feitas através do Booking.com podem ser canceladas.

- Contrate seu seguro viagem através da nossa parceira Real Seguro, além de estar ajudando a manter o DMEC, você vai encontrar o melhor preço, pois a Real Seguro faz cotações com as melhores seguradoras do mercado!


Share

24 Respostas para Carnaval na Chapada dos Veadeiros – Roteiro.

  1. Um dos lugares mais lindos e especiais do mundo. Ver as fotos de vocês me deu uma saudade… Em breve estarei lá de novo!!! :)!

  2. Que legal! Morro de vontade de conhecer a Chapada dos Veadeiros. E com certeza será em um feriado de 3 ou 4 dias. Seu post foi perfeito para os meus planos!
    Obrigada!

  3. Aline DP disse:

    Chegamos a pensar em seguir esse destino no carnaval, mas ainda bem q desistimos kkk Vou esperar uma oportunidade para ir fora de feriado e evitar esse monte de gente kkk

  4. Cristina disse:

    Olha só, nunca tinha pensado nesse destino! Curti!! Nosso Brasil tem muita coisa linda pra nos mostrar!

  5. Keul Fortes disse:

    Muito bom esse post. Super completo sobre a Chapada dos Veadeiros. Parabéns pelo post!

  6. Uma amiga disse que passou o carnaval desse ano lá também e amou! Pelo seu relato e fotos, deu pra entender porque! rs Fiquei com muita vontade de conhecer!

  7. Post favoritado.
    Pretendo ir final do ano com meus pais.

    Conhecer a cachoeira de St Barbara saiu dos meus planos por causa do terreno e distância.

    Porq vcs não foram na cachoeira dos couros?

    Abraços!

    • Itamar Japa disse:

      Ainda queremos voltar pra ver a Santa Barbara, muito em breve.

      Não fomos a dos Couros, porque gostamos de fazer tudo por conta própria e segundo relatos a estrada que dá acesso a Cachoeira dos Couros não estava muito boa, pelas chuvas… Como estávamos de UNO precisaríamos contratar guia. Então optamos por deixar essa e várias outras para uma próxima. :)

      Abraços. :)

  8. Gabi Pizzato disse:

    Sensacional, Itamar! O post, as fotos e as dicas!
    Tira a quantidade de pessoas e o temporal que vocês pegaram e tudo fica perfeito! É um destino que eu ainda quero explorar e agora tenho tudo pronto; obrigada! ;)

    • Itamar Japa disse:

      Hehe, estávamos cientes que estaria cheio por lá, e também sobre as chuvas. Até achamos que pegaríamos mais chuva. Mas deu pra aproveitar bem.

      Ainda vão sair os posts detalhados sobre cada um dos destinos que visitamos. :)

  9. Poxa, que lindo! Quero muito conhecer. Suas dicas vão me ajudar muito. Parabéns!

  10. A Chapada dos Veadeiros é um dos destinos que estão em minha lista há tempos, adorei as dicas, vou visitar em baixa temporada para desfrutar mais do silêncio da natureza :D

  11. Sensacional o post, bastante completo, como você disse me parece um ótimo lugar para pegar um feriadão e ir. Show de bola

  12. Gê Azevedo disse:

    Quero muuuuito conhecer, mas vou tentar me programar para ir fora de um feriado, hehe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>