Saiba como economizar dinheiro pra próxima viagem.

Este post vai te ajudar a poupar dinheiro pra uma nova viagem. Saiba mais: Mais »

Islas del Rosario e Isla Baru, passeio clássico de Cartagena de Indias

Um dos passeios mais procurados em Cartagena de Indias é o passeio até as Islas del Rosário e Isla Baru... Saiba como é... Mais »

Catedral de São Basílio, a igreja mais bonita do mundo!!!

Conheça a Catedral de São Basílio, um dos maiores cartões postais da Rússia e uma das igrejas mais bonitas do mundo. Mais »

Conheça o Parque Nacional Morrocoy, na Venezuela.

O Parque Morrocoy é um dos cantinhos mais bonitos do Caribe Venezuelano. Saiba mais. Mais »

 

Conheça o Vulcão Quilotoa e sua maravilhosa lagoa esverdeada.

quilotoa_laguna_capa

Dos lugares incríveis que tivemos a oportunidade de conhecer no Equador, o Vulcão Quilotoa é sem duvida nenhuma um dos lugares mais belos! É o lugar que literalmente nos deixou de boca aberta! Seja pela sua beleza, ou pela falta de ar quando decidimos conhecê-lo melhor! Hoje vamos mostrar esta belezura equatoriana! Confira:


Acompanhe o DMEC nas redes sociais: Instagram | Facebook | Twitter | Pinterest
No Equador nós usamos a hastag #dmecnoequador


Vulcão Quilotoa – Equador 

Quando compramos passagens para o Equador, duas semanas antes de embarcar, mal sabíamos nosso roteiro. Olhamos no mapa, demos uma lida por cima e fomos literalmente descobrir o Equador. Dentre os poucos lugares que tínhamos certeza que iríamos visitar, estava o Vulcão Quilotoa, um dos principais atrativos do Equador! Sua beleza nos chamou a atenção e assim que vimos a primeira foto, decidimos que aquele vulcão e sua lagoa incrível não poderiam ficar de fora de nosso roteiro.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-Trilha

A impressionante beleza do Vulcão Quilotoa.

O Vulcão Quilotoa é um vulcão inativo localizado a mais de 3900 metros de altitude. Tem como principal destaque uma enorme lagoa com cerca de 3 km de diâmetro e 250 metros de profundidade formada no interior de sua cratera.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-28

Lagoa Quilotoa. e seu belo espelho verde e azul.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-22

Lagoa Quilotoa. e seu belo espelho verde e azul.

Esta lagoa, homônima ao vulcão, impressiona pela beleza proporcionada pela coloração de suas águas. As cores mudam conforme a luminosidade solar e conforme você se move. São centenas de tons azulados e esverdeados que encantam qualquer visitante e fazem com que o Vulcão Quilotoa seja considerado como um dos atrativos mais bonitos do Equador.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa

É muita beleza!

O Vulcão Quilotoa está localizado entre a cidade de Quito (cerca de 180 km) e a cidade de Baños de Agua Santa (cerca de 160 km). Pode ser acessado das 2 cidades e também da cidade de Latacunga, que fica a cerca de 90 km de distância. Latacunga também é base para visitar o famoso e imponente Vulcão Cotopaxi.

Nós sugerimos que a visita seja feita a partir de Latacunga. Além de ser menos cansativo, vale a pena conhecer as cidadezinhas da região (em breve post).

Nós fomos de Quito até Latacunga e de lá, além de conhecermos o Vulcão Quilotoa, também visitamos algumas cidades, conhecendo um pouco da região.

Partindo de Latacunga é muito fácil chegar ao Quilotoa por conta própria, um ônibus de linha parte do terminal da cidade várias vezes por dia, custa 2,50 dólares e leva cerca de 2h até a entrada do Vulcão.

Apesar dos quase 4 mil metros de altitude, o acesso ao Quilotoa é bem fácil. O ônibus te deixa a cerca de 700 metros do Vulcão e a não ser que você queira descer até a lagoa, ou fazer a trilha que percorre toda sua cratera, você não vai precisar se esforçar muito.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-35

Recebendo as boas vindas do cachorro brincalhão.

O que fazer no Vulcão Quilotoa

O Quilotoa proporciona diversão pra todos os tipos de turistas! Desde os mais preguiçosos, ou com pouco tempo, até os mais aventureiros que gostam de conhecer e explorar bem a região.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-visual.

Curtindo o visual.

  • Observar a beleza da Lagoa Quilotoa.

Muitas pessoas vão até o Vulcão Quilotoa “só” para observar sua beleza e a beleza da Lagoa Quilotoa. Só isso de fato já vale a pena, pois o conjunto realmente é absurdo de bonito!

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-Mirante.

Vista a partir de um dos mirantes.

No local existem vários mirantes, onde o visitante poderá contemplar a lagoa de alguns ângulos diferentes.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-Mirante

Mirantes.

  • Descer até a Lagoa Quilotoa.

Se você está pensando em visitar o Vulcão Quilotoa, prepare as pernas e desça até a Lagoa Quilotoa! O visual é incrível, mas lembre-se o problema não é descer, e sim subir na volta. Vale lembrar que o vulcão está a quase 4 mil metros de altitude.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-trilha

Trilha para a Lagoa Quilotoa.

A trilha até a lagoa tem aproximadamente 3,6 quilômetros (ida e volta). O tempo de execução depende muito do condicionamento físico, ressaltando que a volta exige bastante, devido a altitude.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-15

Nós, depois da trilha… Molhados e cansados…

Nós descemos até a lagoa, mas não tivemos muita sorte. Quando estávamos quase chegando na lagoa, o tempo virou e começou a chover! Tivemos que nos abrigar em uma casa de madeira que existe por lá e passamos um frio que vocês não imaginam. Mesmo bem abrigados, o vento congelante aparentava cortar as mãos e o rosto…  Junto conosco na casa estavam uns moleques equatorianos só de camisetas e bermudas… Fiquei imaginando o frio que passaram. Um deles teve que voltar de cavalo, porque não aguentou esperar…

Aliás, vale ressaltar que o tempo é bem instável e pode mudar a qualquer momento. Leve roupa para frio e chuva.

Quando a chuva diminuiu continuei a trilha e fui até a lagoa, enquanto a Patricia começou a voltar. Apesar de estar chovendo, com o tempo todo encoberto, ainda assim valeu ver a lagoa de perto.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-12

Lagoa Quilotoa.

Lá em baixo, junto a lagoa existe uma espécie de praia (com areia e tudo) onde além de aproveitar a lagoa é possível alugar caiaques e pequenas embarcações e navegar pelas águas esverdeadas/azuladas do vulcão. Além disso, também é possível acampar.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-Praia.

A prainha do vulcão.

Fiquei um tempo de boa na lagoa, dei uma olhadinha na região e comecei a subir. A volta é bem puxada e a altitude realmente influência bastante. No nosso caso, além da altitude, o fato da chuva ter transformado a trilha em um pequeno riacho enlameado dificultou ainda mais a nossa volta!

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-Trilha.

Pernas pra que te quero… Caminho de volta.

Em último caso mulas e cavalos são alugados por 10 dólares. Nós preferimos sofrer um pouco do que explorar os animais, que são utilizados pra carregar pessoas o dia todo pra cima e pra baixo.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa

Arriba!

Quando finalmente conseguimos subir toda a trilha, um taxista nos ofereceu o retorno até Latacunga (dividido com 2 francesas) por 5 dólares, mesmo preço do ônibus (2,50 pra cada). Se por um lado não precisamos esperar o ônibus, por outro quase morremos do coração. O cara era meio sem noção pra dirigir e ver aqueles penhascos em um  carro ultrapassando nas curvas, na contramão, não é nada agradável.

  • Dar a volta na cratera do Vulcão.

Se você gosta de aventuras e tiver bastante disposição pra encarar uma caminhada na altitude, a volta ao Quilotoa pode ser uma opção. São cerca de 13 km bem cansativos, mas com visuais incríveis.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-trilha

Pela trilha a fora.

Nós fizemos esta trilha, tiramos muitas fotos, vimos paisagens deslumbrantes e cansamos bastante também…

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-16

Paisagens lindas.

Curtimos demais, mas passamos alguns momentos desesperadores, quando o tempo fechou e não tínhamos mais noção de distância, nem visibilidade alguma. Subestimamos a altitude e a trilha não foi nada fácil, principalmente quando o tempo fechou. Levamos um susto, mas no final deu tudo certo!  Em breve a gente faz um post contando os detalhes sobre esta grande aventura…

  • Loop Quilotoa (Circuito del Quilotoa).

Quando postamos uma foto no primeiro dia em que estivemos no Vulcão Quilotoa, logo recebemos alguns comentários (inclusive do grande viajante Guilherme Canever, do Blog Sai por Aí) perguntando se iríamos fazer o “Loop Quilotoa“. A principio imaginamos que o tal “Loop Quilotoa” seria a volta ao vulcão (até tem alguns blogs por aí dizendo que o Loop Quilotoa é a volta no vulcão), mas só depois descobrimos que o “Loop Quilotoa” na verdade é um trajeto percorrido entre pequenos vilarejos da região, chamado em espanhol de “Circuito del Quilotoa”.

Este trajeto pode levar de 4 a 6 dias e percorre pequenos vilarejos que ficam na região do vulcão, como as cidadezinhas de Zumbahua, Quilotoa, Chucchilán, Sigchos e Saquisilí.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa-Loop Quilotoa

Cenário Rural – Loop Quilotoa.

Embora não tivéssemos tempo suficiente para fazer a pé a trilha que liga uma cidade a outra, conhecemos algumas cidades utilizando o transporte público (em breve post).

Se você  gosta de caminhadas por regiões pitorescas, entre zonas rurais e indígenas, se tiver bastante disposição e também tiver mais tempo sobrando, o Loop Quilotoa foi feito pra você.

Como chegar ao Vulcão Quilotoa

Conforme já citamos, a maneira mais fácil de chegar até o Vulcão Quilotoa é partir da cidade de Latacunga. Utilizando o transporte púbico ônibus saem em vários horários, mas recomendamos que tente pegar o ônibus (2,50 dólares) que sai lá pelas 7h da manhã.

Nós nos atrasamos e nas duas vezes que fomos até lá, pegamos o ônibus seguinte, que sai mais ou menos 9h. Chegamos lá pelas 11h… O que nos prejudicou bastante em ambas situações.

Ainda existem agências de viagens que disponibilizam excursões até o Quilotoa com guia, lanche etc. O custo é de mais ou menos 40 dólares.

Outra opção é pegar o ônibus que vai até a cidade de Zumbahua (também é possível dormir lá), que fica a cerca de  5 quilômetros do vulcão. De lá existem táxis/caminhonetes que vão até o vulcão, o preço não deve passar de 1,5 dólares.

Vulcão Quilotoa - Lagoa Quilotoa

Dicas: 

– Procure ir ao vulcão o mais cedo possível, pois o tempo é melhor durante a manhã.

– Mesmo se estiver calor, leve roupa para frio.

– Informe-se sobre o último horário de ônibus.

– Respeite a altitude, principalmente se pensar em fazer trilhas por lá.

– A entrada é gratuita!


QUER AJUDAR O DMEC SEM GASTAR MAIS POR ISSO? 

Utilize os nossos parceiros e ajude nosso blog:

- Encontre e reserve sua hospedagem em Latacunga, Quito, ou em qualquer lugar do mundo, através do Booking.com Você não paga nem um centavo a mais e ainda ajuda o blog! Lembrando que a maioria das reservas feitas através do Booking.com podem ser canceladas.

- Contrate seu seguro viagem através da nossa parceira Real Seguro, além de estar ajudando a manter o DMEC, você vai encontrar o melhor preço, pois a Real Seguro faz cotações com as melhores seguradoras do mercado!

– Está pensando em alugar um carro!? Consiga o melhor preço consultando as melhores locadoras através da Rentcars.comAlém de economizar , você pode pagar em até 12x, sem IOF e o melhor, você ajuda o blog e não paga nada a mais por isso!


Share

14 Respostas para Conheça o Vulcão Quilotoa e sua maravilhosa lagoa esverdeada.

  1. paloma disse:

    Que delicia de viagem! super diferente, adorei conhecer esse lugar incrível, já me inspirou bastante, to morta de vontade de ir também e tirar lindas fotos como a sua rsrs #queromuito #paisagensincriveis #amomuitotudoisso

  2. Que vulcão lindo, quer dizer, que lagoa cor verde esmeralda linda! Pelo visto vale a pena o esforço para chegar até lá!

  3. Carol disse:

    Eu e meu marido somos apaixonados por visitar lugares exóticos e este vulcão e lagoa são muito lindos! E gostei muito da estrutura do local! Ótimas dicas.

  4. Uau! Que lugar maravilhoso! Encantada com a cor dessa água e a beleza desse lugar. Acredita que nunca tinha ouvido falar? Adorei as dicas!

  5. gostei de saber que a distancia nao eh tanta, normalmente tem q caminhar muito para chegar em lugares assim tao lindos! ja botei na listinha do q ver no equador!

  6. Viajento disse:

    Lugar maravilhoso, pena que pegaram chuva. Mas faz parte da aventura! Quando eu for ao Equador, vou tentar fazer o passeio completo, indo até a lagoa e dando a volta na cratera.

  7. Andressa Bordinhão disse:

    Show!!!
    Eu e meu marido vamos para o Equador em julho e queremos fazer esse passeio.
    Nossos planos é ir de Baños até Quilotoa e passar uma noite em um hostal próximo para poder visitar a lagoa logo pela manhã! Segundo as suas dicas o tempo é melhor de manhã né?
    De Quilotoa queremos ir até o Cotopaxi.
    Para ir de Quilotoa até Latacunga você se lembra os horários de ônibus?
    Queria ir de Latacunga até o Cotopaxi não é necessário ir até Quito, é?
    Pode pegar um ônibus de Latacunga em direção a Quito e descer na entrada do parque do Cotopaxi?
    Obrigada

    • Itamar Japa disse:

      Olá Andressa. Vamos por parte:

      -Sim o melhor horário é pela manhã, quanto mais cedo melhor.

      -Não lembro exatamente os horários do ônibus partindo do Quilotoa (só sei que o último é as 17h), mas é mais ou menos em 2 em 2 horas, ainda assim, do Quilotoa você pode pegar um táxi até a cidade de Zumbahua, que fica a cerca de 15 km do Quilotoa… de lá o ônibus são mais constantes. Também é possível dormir em Zumbahua, para ir mais cedo para o Quilotoa…

      -Latacunga é base tanto para ir até o Quilotoa, como para ir ao Cotopaxi. Fica a 35 km do Cotopaxi, enquanto Quito fica a cerca de 45 km, ou seja, o Cotopaxi fica praticamente no meio do caminho, mais próximo a Latacunga.

      -Você pode pegar o ônibus até Quito e descer na entrada do Cotopaxi sim, de lá pode contratar caminhonetes e guias que vão até o Cotopaxi.

      Espero ter ajudado, boa viagem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>